24 de maio de 2013

Adoração


título: Adoração
autor: Jacques Borel
tradução: António Ramos Rosa
edição: Contemporânea
n.º/ano de edição: 1.ª - 1966
colecção: ---
n.º pág.: 563
formato: 13x19cm
capa: João da Câmara Leme
estado de conservação: 3/5
presença no mercado: esgotado / raro / muito raro
ref: 175918
pvp: 5.00€
sinopse: A imprensa literária francesa saudou em fins de 1965, com alvoroço e unanimidade, a atribuição do Prémio Goncourt desse ano a “Adoração”, primeira obra de Jacques Borel, que aos quarenta anos fazia assim uma estreia fulgurante no areópago das letras francesas e mundiais. Livro de feição acentuadamente auto-biográfica, não se distingue em “Adoração” o que se apresenta como pura transfiguração romanesca, embora o conjunto denote clara filtragem através da percepção e experiências da figura central – um Pierre Delinge que organiza em trono de si uma pequisa constante, uma cadeia infinita de idas e vindas no tempo, a tentativa de encontro com as fontes latentes de uma vida.
detalhes: Prémio  Goncourt – 1965. Assinatura de posse na 1.ª pág.


encomenda/reservas:
tel: 21 795 93 39

Sem comentários: