4 de junho de 2013

Dez Dias Que Abalaram o Mundo


título: Dez Dias Que Abalaram o Mundo
autor: John Reed
tradução: José Octávio
edição: Círculo de Leitores
n.º/ano de edição: 1.ª - 1975
colecção: ---
n.º pág.: 328
formato: 12x20cm (in-8.º)
capa: ---
estado de conservação: 3/5
presença no mercado: esgotado / raro / muito raro
ref: 175843
pvp: 8.90€
sinopse: Ideologia, sangue e esperança. São essas palavras que podem resumir, de uma forma geral, a história relatada em “Dez Dias Que abalaram o Mundo”. Escrito pelo jornalista norte-americano John Reed, o livro conta, na primeira pessoa, os episódios da Revolução Bolquevique, na Rússia,  de 1917. 
Reed cobria a Primeira Guerra Mundial quando se deu a Revolução Bolchevique. Socialista convicto, deslocou-se para a Rússia a fim de acompanhar o histórico momento em que o país, já por si atrasado devido ao regime czarista, se desmoronava frente aos ataques da Alemanha. O país parecia não saber que rumo seguir. As divisões partidárias eram tantas que existia até mesmo um grupo intitulado “socialistas revolucionários de direita”. Reed explica detalhadamente as facções políticas e apresenta os vários personagens envolvidos, antes de iniciar os relatos. Sem essas descrições, o leitor ficaria completamente perdido no meio de nomes como Kamenev e Volodarski.
detalhes: Assinatura de posse na 1.ª pág.

encomenda/reservas:
tel: 21 795 93 39

Sem comentários: